[C-II] Era uma vez ...

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[C-II] Era uma vez ...

Mensagem por Arc em Seg Ago 22, 2016 7:24 am


   

   

You want to play a game with me?



   

I don't believe in humanity


Diferente o calor infernal que o deserto fazia, o interior da nave era absurdamente mais fresco. Sua estrutura era formidável. O piso não fazia barulho se quer, pelo contrário, parecia absorver inteiramente cada passo e não criar barulhos irritantes no aço daquele chão. O corredor era longínquo, mas por alguns minutos de caminhar cheguei ao final dele. Ao olhar pra trás, apenas aquela garota não havia se apresentado ali, entretanto, ela não demoraria a chegar. Apenas aquele rapaz estava presente.

Mente

HP; MP: Full
SP: 8 m/s
Cards: with me

But I believe in the potential of humanity




   

was created below



&  







Última edição por Lost em Seg Ago 22, 2016 5:58 pm, editado 1 vez(es)


“- “My throat hurts and I am unable to breathe. I hear someone’s cries in the distance. Because my throat hurts so much, I then realise the person screaming is me.”” – Sakunosuke Oda
avatar
Arc
Rank C
Rank C

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 100%

card
Nivel Nivel : 3

Ficha do personagem
HP:
375/275  (375/275)
MP:
375/275  (375/275)
Pontos de Exp:
200/250  (200/250)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por ADM Pandy em Seg Ago 22, 2016 4:09 pm



Narração
 

Passadas largas e irritadiças podiam ser ouvidas pelo longínquo corredor que ia em direção ao bar da aeronave. Heishiro aparentava não gostar nem um pouco da forma que Adhara lidava com as pessoas , fossem elas membros ou não da guilda ela sempre agiria daquela forma.Seu tamanho não era sinônimo para ser menosprezada pelos dois homens e ver que aquilo acontecera deixou Adhara mais irritada ainda; Ao chegar no bar, ela vira que Heishiro e o garoto de cabelos misterioso já havia chego ao local, ela sem cerimônia alguma havia começado a se servir sem dirigir uma unica palavra ao garoto, uma jarra grande de água e 3 copos foram a unica coisa que ela havia pego, mas simplesmente se servira sem oferecer aos outros dois.
-Se quiser alguma coisa, peça a pombinha ali- Adhara começou a falar logo apos beber um pouco de água e fora logo procurando algo mais forte para poder acalentar sua vontade . -E com você pombinha, eu me resolverei depois.- A mesma achou uma bebida de cor azulada que se aparentava com o azul do mar e logo procurou um copo mais comprido com a parte superior mais larga com a forma de V. -Mas então garoto...O que desejas aqui?- Adhara não era do tipo que procurava ou esperava muito as pessoas relaxarem , ela queria saber logo sobre esse garoto e sobre suas intenções.
NPC:
HP: ?
MP: ?
Vel: ?


para caso de duvidas:
Antes de iniciar esta naração , me fora enviado um pedido para que o jogador Heishiro postasse neste tópico. Já que o mesmo aceitou a ordem de postagens somente dá continuidade quando o mesmo postar


@Lilah
avatar
ADM Pandy
Admin
Admin

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 100%


Ficha do personagem
HP:
50/50  (50/50)
MP:
50/50  (50/50)
Pontos de Exp:
0/0  (0/0)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por Heishiro em Seg Ago 22, 2016 9:16 pm


Emotionless
O caminho pela redenção




________________________________________________________________________
V



endo que Adaha estava praticamente tentando chamar a atenção, eu dou a volta no balcao e acabo pegando a jarra de agua, eu servia o copo do rapaz.

Heishiro: Sente-se rapaz e beba um pouco de água-pegando um cesto de pães continuei-coma um pouco também.


Aguardando o rapaz comer e beber algo e tambem esperando ele dizer suas intenções. Porem ja me preparando para que fosse um possivel inimigo e se caso fosse, ele morreria ali mesmo.

________________________________________________________________________
 Hp= 75  MP= 75 Ω  Mv 8m/s 

 @Carlos
-
.


Última edição por Heishiro em Ter Ago 23, 2016 3:03 am, editado 1 vez(es)
avatar
Heishiro
Rank C
Rank C

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 75%

satan soul
Nivel Nivel : 4

Ficha do personagem
HP:
350/350  (350/350)
MP:
620/700  (620/700)
Pontos de Exp:
150/300  (150/300)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por Arc em Ter Ago 23, 2016 12:26 am


   

   

You want to play a game with me?



   

I don't believe in humanity


O cansaço deitava sob meus ombros quando o rubro se sentou na cadeira. No momento ligeiro de descanso, o mundo havia deixado de girar e focado só no bar em que estava. Ouvia calmamente tudo o que tinham pra falar até que chegasse sua vez Acho que o mínimo que lhes devo pela hospitalidade é me apresentar — Disse enquanto retirava o capuz Meu nome é Soren. Sou um vagante em busca de respostas pessoais. Peço desculpas caso tenha interrompido ou incomodado vocês, mas confesso que essa estrutura se torna atrativa aos que chegam aqui.  — Pegou um copo e o encheu de água, logo bebeu e saciou-se Se me permite perguntar, senhor Heishiro, o que afinal é esse lugar? Fintou-o fixamente aguardando respostas, isso é, se as tivesse.


HP; MP: Full
SP: 8 m/s
Cards: with me

But I believe in the potential of humanity




   

was created below



&  







“- “My throat hurts and I am unable to breathe. I hear someone’s cries in the distance. Because my throat hurts so much, I then realise the person screaming is me.”” – Sakunosuke Oda
avatar
Arc
Rank C
Rank C

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 100%

card
Nivel Nivel : 3

Ficha do personagem
HP:
375/275  (375/275)
MP:
375/275  (375/275)
Pontos de Exp:
200/250  (200/250)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por ADM Pandy em Ter Ago 23, 2016 2:23 pm



Narração
 

Adhara bebia o liquido azulado de seu copo e observava os dois garotos falando entre si. Sua paciencia era diminuta, mas ela ainda sim tentava manter sua pose como segunda no comando daquele local; quando o rapaz se apresentou como sorem ela simplesmente o ignorou já que nao tinha o costume de chamar as pessoas pelo nome e sim por apelidos dados por ela mesma. Mas o que a irritou não fora o fato de ter um estranho em sua casa, e sim o fato de não saber aonde ele se encontrava, respirou fundo e com um so gole terminou o conteúdo de seu copo o enchendo outra vez por si mesma.-Você está dentro da Grimoire Herats.- apesar de parecer calma, podia-se sentir uma pequena ponta de irritação na voz de Adhara, mas ainda sim seus olhos cor de violeta deixavam dificil de entender o que se passava em sua mente. -Achei que as pessoas conheciam mais sobre esta honorável nave - ela deu ma pequena pausa -a pombinha ali não tem muita voz, caso tenha alguma duvida pode falar diretamente comigo.-
NPC:
HP: ?
MP: ?
Vel: ?


para caso de duvidas:
Antes de iniciar esta naração , me fora enviado um pedido para que o jogador Heishiro postasse neste tópico. Já que o mesmo aceitou a ordem de postagens somente dá continuidade quando o mesmo postar


@Lilah
avatar
ADM Pandy
Admin
Admin

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 100%


Ficha do personagem
HP:
50/50  (50/50)
MP:
50/50  (50/50)
Pontos de Exp:
0/0  (0/0)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por Heishiro em Ter Ago 23, 2016 6:51 pm


Emotionless
O caminho pela redenção



________________________________________________________________________
E

mbora nós tratássemos  ela como se não estivesse naquela sala, nao deixei de notar a impaciência de Adaha. Praticamente estava aflito pois eu sabia que mesmo que estivéssemos em dois ali e obviamente se ela atacasse o jovem por mero capricho dela eu iria intervir e iriamos ser derrotados. Mantendo a paciencia e o bom senso de maneira calma continuo a falar com o jovem.

Heishiro: Então meu caro amigo, foi realmente como ela disse, somos uma dark guilda e por acaso, você por obra do destino calhou de nos encontrar, embora muitas das vezes que isso possa vir a acontecer, nossa localização deve ser mantida em sigilo. Entao para evitar problemas desta maneira você terá que aguardar a chegada de nosso mestre. Daqui para frente você terá duas escolhas; Se juntar a nossa Guilda e jurar lealdade a ela.-Retiro meus óculos e o em cara de maneira mais seria e direta.-  ou caso não queira se juntar para evitar problemas futuros este será o ultimo copo d'água que ira beber, se é que me entende. Não encare como uma ameaça, é somente uma maneira de nos proteger de possíveis ataques, e peço desculpas se realmente demonstrei ser uma pessoa rude ou ma tendenciosa e espero que compreenda a nossa situação.

Colocando meus óculos continuo a olhar para o rapaz de maneira singela para que ele note que realmente minhas intenções não são ruins.
________________________________________________________________________
 Hp= 75  MP= 75 Ω  Mv 8m/s 

 @Carlos
-
.


Última edição por Heishiro em Qua Ago 24, 2016 5:59 pm, editado 15 vez(es)
avatar
Heishiro
Rank C
Rank C

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 75%

satan soul
Nivel Nivel : 4

Ficha do personagem
HP:
350/350  (350/350)
MP:
620/700  (620/700)
Pontos de Exp:
150/300  (150/300)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por Arc em Ter Ago 23, 2016 7:32 pm


   

   

You want to play a game with me?



   

I don't believe in humanity


O clima se apresentava tão pesado quanto o cansaço de logo cedo. Uma Dark Guilde? Achava que esse grupo de pessoas eram apenas lendas contadas por aqueles que pagavam como heróis. Claramente as expressões faciais impostas sob o rubro eram de seriedade Dark Guilde? Hmm Pensava enquanto pegava mais um pouco de água Sinceramente, não procurava algo como Guilda alguma, mas confesso que me juntar a uma irá facilitar a busca por meus objetivos. De copo cheio e segurando-a, fixou seu olhar no homem alto de cabelos branco Obviamente, caso tente fugir, não conseguiria devido ao meu cansaço e a sanidade de uma dupla como vocês, então, se não posso contra vocês, irei me juntar Ergueu o copo como se estivesse anunciando um brinde a uma nova parceria.


HP; MP: Full
SP: 8 m/s
Cards: with me

But I believe in the potential of humanity




   

was created below



&  







“- “My throat hurts and I am unable to breathe. I hear someone’s cries in the distance. Because my throat hurts so much, I then realise the person screaming is me.”” – Sakunosuke Oda
avatar
Arc
Rank C
Rank C

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 100%

card
Nivel Nivel : 3

Ficha do personagem
HP:
375/275  (375/275)
MP:
375/275  (375/275)
Pontos de Exp:
200/250  (200/250)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por ADM.Olivia em Qua Ago 24, 2016 3:25 pm



Narração
 



Ambos os tolos mantinham a sua conversa fiada durante aqueles longos e dolorosos minutos, Adhara, por sua vez, já não conseguia alcançar alguns pequenos momentos de paz com a sua bebida, tudo o que tentava tomar apodrecia dentro da sua boca. Ela havia-se deslocado para o outro lado do balcão, sentando-se 3 bancos ao lado do garoto. O sabor amargo alimentava a sua natureza problemática, o sangue nas suas veias corria rápidamente, os seus braços pareciam querer rebentar e o seu peito tentava cuspir o coração para fora. Ela olhava para o seu reflexo no líquido avermelhado que restava no seu copo fino e elegante, o seu sorriso maquiavélico do costume surgia por entre as pequenas oscilações do vinho, assim, como a sua vontade de destruir todos os presentes naquele local. Contudo, Adhara estava mais calma do que nunca, num clima tão pesado como este, ela resume-se à sua elegância e... provocação.
Ela virou-se de costas para o balcão, sentada num dos bancos encarnados, apoiava o cotovelo esquerdo no balcão e deu um último gole, erguendo o seu pescoço esbelto:
- Hmmm... Temos que arranjar mais vinho. - diz enquanto mantém um olhar enfeitiçado para o copo cristalino. De seguida, troca a posição das suas pernas voltando a cruzá-las, no entanto, sob uma orientação diferente da anterior. Com movimentos curtos e circulares, fazia o pouco de vinho que ainda tinha dançar no interior do copo, depois, olhou para os dois idiotas que ainda continuavam a expelir um monte de tretas dos seus lábios insolentes. Subitamente, um copo é atirado para o pequeno espaço do balcão que separava os dois garotos "apaixonados", Adhara podia ser encontrada na mesma posição, a olhar para baixo, mas acabou por conduzir um olhar totalmente diferente do que qualquer um dos dois haveria visto antes, incluindo o suposto "parceiro" de guild dela.
- Você. Seu ignorante, realmente pensa que vai entrar na guilda apenas por... querer? Hahaha, ai ai, terá sorte... - levanta-se, descruzando as pernas e caminha até eles, chega ate ao "convidado", tenta colocar a sua mão à volta da parte de trás do seu pescoço e continua:
- Se não morrer aqui e agora. E você pombinha, se não queres que nada de aconteça, mantém-te fora disto, percebido?

NPC:
HP: ?
MP: ?
Vel: ?



@Lilah
avatar
ADM.Olivia
Admin
Admin

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 100%

sem magia

Ficha do personagem
HP:
50/50  (50/50)
MP:
50/50  (50/50)
Pontos de Exp:
0/0  (0/0)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por Heishiro em Qua Ago 24, 2016 6:35 pm


Emotionless
O caminho pela redenção



________________________________________________________________________
[left]
F

arto de todas as provocações que recebera até hoje vindas de Adara comecei a dizer depois de arremeçar uma garrafa de bebidas proximo ao tosto de Adara :
Heishiro: Cale sua maldita boca moleca infantil inutil!!! Se seu intuito era realmente impedir ele de se juntar a guilda, por causa da sua inutilidade essa hora já se passou, mesmo por que se ele fosse um inimigo ele estaria com alguma coisa que rastreasse este local e pelo tempo que passou  com certeza já estaríamos sob ataque. Então pare de agir como se fosse a mestra da guilda e se ponha no seu lugar. Se não teve a capacidade de impedir a entrada dele em nossa nave então fique quieta, cale a po*** da sua boca e termine sua maldita bebida[-heishiro ajeitava os óculos e prosseguia a dizer.Toda vez que alguém aparece você age assim, quer ser o centro das atenções? Pois bem garota, este é um recado pra voce; O MUNDO NÃO GIRA EM TORNO DE UMA MER** como você e por favor mantenha sua boca fechada pois parece que você hoje não escovou os dentes e esta com o mesmo cheiro que tem as foças da guilda quando estão cheias.
________________________________________________________________________

 Hp= 75  MP= 75 Ω  Mv 8m/s 

 @Carlos

-
.
avatar
Heishiro
Rank C
Rank C

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 75%

satan soul
Nivel Nivel : 4

Ficha do personagem
HP:
350/350  (350/350)
MP:
620/700  (620/700)
Pontos de Exp:
150/300  (150/300)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por Arc em Qua Ago 24, 2016 11:20 pm


   

   

You want to play a game with me?



   

I don't believe in humanity


A conversa que estava se acalmando, agora, estava se tornando cada vez mais tensa. Somente a presença do rubro era motivo para que pensamentos maliciosos rondassem a mente de cada um deles, entretanto, o grau de proporção de cada um era gritante ao outro. Aquele garota continuava a jogar palavras ao léu, já que nem se quer dava muita atenção, mas ainda assim as ouvia. A cadeira se arrastou e passos foram contados a cada barulho do piso, o mesmo metal que antes fora testado por sua rigidez. Um estado frio percorreu da nuca sobre toda a espinha, aquela mão que havia sido 'posta' vagarosamente rumo ao rubro era o inicio de um pseudo conflito.

O silêncio se quebrou quando o alto rapaz proferiu palavras ofensivas a ela, mas era inútil ofender alguém que usa isso contra os outros; era como apagar fogo com álcool. Depois de tantos gritos, a sala parecia estar inteiramente vazia, já que o alvoroço tinha sido como uma plateia. Quer me matar? Sem ao menos olhar pra trás, Soren retrucou aquela desconhecida. Confiante até a beira da morte, o rubro se virou lentamente, colocando seu pescoço na linha de fogo A questão é: você pode me matar? Sorriu.

De fato, as palavras ali ditas poderiam causar um impacto mais contundente que um soco, mas ninguém conhecia melhor as palavras do que Soren Desde que toquei a nave do lado de fora, percebi que a estrutura estava acabada, logo, estariam mais presos aqui do que usando o deserto de morada. Quando toquei o piso, notei a diferença estrutural das paredes e o chão, vendo que o impacto foi tão grande que demorariam anos para construir, a menos, que tivessem pessoas para ajuda-los, correto? Manteve o sorriso Se esse homem está aqui debatendo de forma brutal com vossa senhoria, isso representa que não é a líder, mas isso se fez inútil, já que ele mesmo disse isso. Se vocês precisam de membros para que essa Dark Guilde crescer, será mesmo que você poderia me matar sem ir comigo de mãos dadas? Aproximou seu próprio pescoço das mãos da garota até que o mesmo ficasse em poucos centímetros de um apertão A força que jogou a cadeira quando desceu dela mostrou intolerância, seus passos longos desproporcionais ao seu tamanho que a fizeram chegar aqui em menos tempo do que deveria, demonstram impaciência, e sua forma de tratar as pessoas, mostra falta de atenção, afinal, mesmo não podendo ser uma líder, nada impediria que a atenção na guilda fosse sua, não é mesmo? Seus olhos eram vermelhos e brilhavam como rubi.

Você com certeza me mataria com sua força, mas você poderia? Se sim, faça! Diante da morte, o rubro parecia estar feliz. Mesmo que fosse sua vida, aquilo era o que ele mais amava fazer; jogar.


HP; MP: Full
SP: 8 m/s
Cards: with me

But I believe in the potential of humanity




   

was created below



&  







“- “My throat hurts and I am unable to breathe. I hear someone’s cries in the distance. Because my throat hurts so much, I then realise the person screaming is me.”” – Sakunosuke Oda
avatar
Arc
Rank C
Rank C

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 100%

card
Nivel Nivel : 3

Ficha do personagem
HP:
375/275  (375/275)
MP:
375/275  (375/275)
Pontos de Exp:
200/250  (200/250)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por ADM.Olivia em Qui Ago 25, 2016 12:40 am



Narração
 



As palavras vazias daquele cuja presença era totalmente irrelevante não paravam de ser projetadas com uma voz já agressiva e explosiva, o homem, ao ver de Adhara, parecia estar farto de todo o comportamento que ela alguma vez teve, isso animava ela, este limitava-se a tentar insultá-la e a ofendê-a com palavras baratas e banais, algo que jamais deixaria marca em alguém como a garota que se apresentava diante dos olhos indignos de todos. Ela, limitou-se a olhar sobre a nuca do garoto sentado e questionou, como quem não soubesse de nada, após ter desviado facilmente da garrafa com um simples inclinar de cabeça:
- Ahn? Você disse algo? - ela limitou-se a olhar o  homem nos olhos por um breve momento e voltou a sua atenção, novamente para aquele que estava bem no interior das suas garras suaves. Este, por sua vez, declamava o belo poema que tudo o que fazia era deixar Adhara entediada, o seu discurso parecia não ter fim, talvez o objetivo fosse a provocação, ou era simplesmente um joguinho, um "bluff" para salvar a sua vidazeca insignificante, para quê salvar algo que vale menos do que um verme? Sendo assim, Adhara manteu a sua mão no pescoço do indivíduo e manteve direto e constante contacto visual com ele, os seus olhos penetravam-se mutuamente, o par de olhos encarnados e o par de olhos púrpura batalhabam arduamente entre sí, era até divertido de se assistir.
- Ai ai... Parece que você percebeu tudo errado. - brinca mexendo a cabeça negativamente antes de voltar a focar nos olhos do garoto - O meu objetivo, não é, de todo, ter a vossa atenção, aliás, acho-a incrivelmente... desprezível. Hahaha, que queridinho, você realmente pensa que sabe tudo, oh, tão fofo. - profere num tom infantil, troçando da situação do garoto, ela, segura a sua bochecha e a perta docilmente e continua o seu pequenino "espetáculo".
- Mas deixa, eu explico para você o que eu quero, é bem simples, aliás, acho que até a pombinha alí conseguia perceber palavras tão fáceis como estas. - aproxima-se mais do rosto do garoto - Tudo o que eu quero, é ver o mundo a arder! E aquilo da sua pequena "análise" pode ser resolvida com duas pequenas coisinhas, a primeira, explica o tempo em que cheguei até voce... - sussurra ao seu ouvido, provocando-o - Magia. - afasta-se novamente, continuando - Quanto á liderança, isso pode mudar num piscar de olhos, sabia?
Ao terminar estas palavras, Adhara aperta o pescoço do homem com força suficiente para o levantar e, a uma velocidade incrível, joga o seu corpo sobre o balcão, partindo o metal que o constituía, ao meio. Enquanto Adhara realizava esse mesmo movimento, um enorme vúltuo surgiu à medida que um grito forte e tenebroso ocupou todo o salão:
- ADHARA! - era o mestre da Grimoire Heart que haveria chegado para salvar o dia, conseguiu segurar o outro braço de Adhara, o esquerdo, antes que esta pudesse ferir o garoto ainda mais do que já haveria ferido. O corpo do Mestre era enorme, tinha cerca de 3 metros e a sua massa muscular não era, definitivamente, a que um homem da sua idade deveria ter.
- O que você pensa que está fazendo, sua garota insolente, idiota, arrogante?! - puxa-a e segura-a como se fosse uma simples boneca de pano, perto do seu rosto, para que a enxergasse e ouvisse bem.
- P-peço desculpa mestre! N-não foi minha intenção... Me perdoe! - grita a garota colocando a sua mão livre no rosto do velhote, era possível verem-se lágrimas a escorrer pelo rosto da garota, algo no homem parecia mudar totalmente a sua atitude, era impressionante.
- Me explique, o que raio está acontecendo! Você arma sempre confusão quando eu me ausento?! - questiona, ainda irritado, o mestre da guild, Adhara, limita-se a responder, entre os seus soluços:
- Bem... eu... Estou me vingando. - a mão que estava sobre o rosto do velho tomou a escuridão de um buraco negro, o seu crânio ao entrar em contacto com tamanho feitiço acabou se contorcendo e sendo sugado para o seu próprio interior, colapsando. A cabeça do mestre haveria sido destruída, sangue se jorrou para trás assim como o seu corpo, agora morto. À medida que caía, este acabou por libertar Adhara, visto que não passava de um corpo morto e esta retomou a sua postura no solo com graciosidade após ser coberta por um manto obscuro de poder mágico. O seu choro falso terminara e as lágrimas de crocodilo de Adhara haveriam secado num instante. A situação era um caos, tudo na guild parecia estar errado, contudo, a garota, limitou-se a chegar perto do "balcão" e disse:
- Acho que isto resolve o segundo problema, a líder agora sou eu. - sorri, como se fosse a criança mais inocente do mundo - Já que quer tanto ajudar, aproveite agora que é membro e trate de arrumar este balcão, está uma lástima. - diz ela para o corpo do garoto que ainda se encontrava junto dos escombros do balcão. - Agora você, trate de limpar esta merda, marque o garoto e desapareça da minha vista, percebido? A brincadeira terminou, parece que eu ganhei o joguinho. Que isto sirva de exemplo para vocês os dois, eu posso matá-los e nada me impedirá de o fazer, só preciso querer.
Adhara, agora, a nova Mestra da Grimoire Heart, deslocou-se pelo lado esquerdo do balcão, direcionando-se à escadaria, a saída mais próxima, todavia, num ápice, voltou atrás, troçando num tom muito mais alegre do que aquele que usara para avisá-los:
- Ah! Já me esquecia, haha! - agarra uma garrafa de vinho e abandona o local, gargalhando para que todos na nave possam ouvir o seu riso histérico, todos sem exceção.

NPCs:
Nome: Adhara Tarly
HP: ?
MP: ?
Vel: ?
Status: Viva

Nome: ?
HP: ?
MP: ?
Vel: ?
Status: Morto



@Lilah
avatar
ADM.Olivia
Admin
Admin

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 100%

sem magia

Ficha do personagem
HP:
50/50  (50/50)
MP:
50/50  (50/50)
Pontos de Exp:
0/0  (0/0)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por Heishiro em Qui Ago 25, 2016 1:20 am


Emotionless
O caminho pela redenção




   
   
   

________________________________________________________________________
V

endo aquele que o acolhera desfalecendo em sua frente decaptado um odio supremo tomava seu corpo e uma  fuira incontrolavel  vinha de dentro de sua voz:
Heishiro: MALDITAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!!


Lagrimas de sangue vertiam de meu rosto e eu continuei a dizer:

Heishiro: Garoto... sua entrada da guilda esta mais que aprovada. Porem agora estamos diante de uma traidora. Junte-se a mim e iremos vingar a morte do verdadeiro mestre da Grimore. - Juntando as mãos como se fosse fazer uma presse continuo- Você disse que queria ver tudo arder.... Pode deixar que irei fazer este favor para você.... Taaaaaaaaaaaaakeeeeeee Oveeeeeeeeeeeerr - meu corpo começava a entrar em combustão e continua- Lord Ifriiiit.


Meu corpo explodia e se transformava em um grande demônio de chamas.


Heishiro Lord Ifrit: Eu vingarei a morte de Lao "G"

 Eu direcionava a mão em direção a omoplata direita entre o pescoço e o peito do garoto, acendia a marca da guilda ali.

Heishiro Lord Ifrit: Agora você é um membro da guilda garoto. Agora vamos acabar com esta escoria em nossa guilda.

técnica usada:

[/color]

Nome:Take Over: Lord Ifrit
Rank:D
Base:Transformação
MP gasto:20 MP para transformar e 10 para manter a transformação por turno
Duração:Ilimitada
Alcance:Usuario
Descrição: Este particular tipo de magia permite ao usuário tomar as habilidades de se transformar em um demonio cuja as tecnicas magicas permitem o usuario a usar Fire Magic. Um demônio com altura de 3,20 metros que emana um grande quantidade de calor devido a sua propriedade magica(temperatura termica, isso nao da dano e nem altera nenhuma magia). Seus status de Resistencia magica e força magica aumentam em 5 e por causa de suas asas ele pode voar (não tem magia aera) 
Lord Ifrit:
 


________________________________________________________________________


 Hp= 200/200  MP= 130/150 Ω  Mv 8m/s 

 @Carlos


-
.


avatar
Heishiro
Rank C
Rank C

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 75%

satan soul
Nivel Nivel : 4

Ficha do personagem
HP:
350/350  (350/350)
MP:
620/700  (620/700)
Pontos de Exp:
150/300  (150/300)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por ADM.Olivia em Qui Ago 25, 2016 1:26 am

@Entrada Concluída ^^

- Alcançou o Rank D, por favor, solicite as mudanças necessárias.

Observação: Perdeu 60 de HP com o sucedido, peço desculpa qualquer coisa xD
avatar
ADM.Olivia
Admin
Admin

_-*/|Barra de Comportamento*-_ 100%

sem magia

Ficha do personagem
HP:
50/50  (50/50)
MP:
50/50  (50/50)
Pontos de Exp:
0/0  (0/0)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [C-II] Era uma vez ...

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum